Barão de Joane

“… O 2º Barão de Joane, António  Machado Guimarães, foi um dos primeiros vultos do concelho de Famalicão, e um grande benemérito” (38). Nasceu no ano de 1847 e faleceu em 1909.

Para melhor conhecermos este personagem ilustre de Vila Nova de Famalicão vou citar alguns trechos que encontrei no jornal local «Estrella do Minho».

O Sr. Barão de Joanne é um dos caracteres, só amigos de fazer bem, pairando o seu espírito muito acima da mesquinhez humana. Como politico, ele é, incontestavelmente um dos primeiros vultos do nosso concelho. Excelentemente relacionado nas altas regiões, ele vai praticando o bem, prestando valiosíssimos serviços a todos que dele se acercam…”(39).

Grande elogio faz o jornal «Estrella do Minho» ao Sr. Barão de Joane, e não só nesta nota mas em todas.

O Exmo. Barão de Joanne, irmão do ornamento da nossa Universidade e lidimo cavalheiro, Sr. Dr. Bernardino Machado.

Mas onde a sua obra social mais avulta, é no benefício que tem prestado à nossa terra. Por seu intermédio temos a majestosa escola… a favor das crianças. Ao nosso hospital, também ele se devotou em largos anos de serviços…

Na Câmara Municipal também o puritanismo da sua boa vontade se manifestou de sobra e continuará mais tarde na sua patriótica e interrompida tarefa” (40).

Uma personalidade importante do concelho de Famalicão, e disso não há dúvidas, pois ocupou vários cargos, como o de presidente da Câmara Municipal e o de provedor do Hospital S. João de Deus. “Foi provedor do Hospital, de 1 de Julho de 1890 até 1 de Julho de 1894  e de 1 de Julho de 1903 até à sua morte em 1909” (41).

De todas estas notas pode-se concluir que o Sr. Barão de Joane era muito querido por todos, e fazia todo o bem que estava ao seu alcance em prol do concelho.

Era irmão de uma grande figura ilustre nacional, o Dr. Bernardino Machado que foi presidente da Republica portuguesa por duas vezes.

O Barão de Joane possuía um belo solar – a casa de Rorigo, em Calendário, freguesia vizinha da cidade de Famalicão.

Quanto ao nome de Joane, herdou o título do seu pai, 1º Barão de Joane, freguesia de onde era natural.

Aquando da morte do Barão de Joane em 1909 o semanário «Estrella do Minho» dedicou-lhe a primeira página, onde enaltece este grande homem Famalicense, como veremos a seguir.*

___________________

(38) in Estrella do Minho – Famalicão, 26/Jan/1902, “Barão de Joanne” p.1.

(39) Idem, … 17/Jan/1901.

(40) in Estrella do Minho – Famalicão, 26/Jan/1902,” Barão de Joanne” p.1.

(41) CARVALHO, Vasco de – Aspectos de Vila Nova , Vila Nova de Famalicão, Tip. Central, 1956.

(*) CARNEIRO, Eduardo Manuel Santos (1997) -“Actividades Sócio-Culturais, Comerciais e Personalidades de V. N. Famalicão no início do século XX”, Boletim Cultural nº 14, Vila Nova de Famalicão.

https://pt-br.facebook.com/pages/Hist%C3%B3riGeo-Portugal/130500857025122

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: